folhe

“O preço da traição” é o título de folheto que Sander Lee lançará no dia 31 de agosto, no Centro Cultural Ariano Suassuna, em João Pessoa. O cordel contém 62 estrofes de sextilhas de puro lirismo e uma história brilhante baseada em fatos reais. “Sander Lee é um poeta de verve invejável que presa pelo bom cordel e sabe como ninguém elevar esta cultura pelos quatros da Paraíba”, disse Pádua Gorrion, editor da obra.

O cordel terá edição limitada.

Quando o fio do bigode
Era a letra do cartório
Quando a família da terra
Vivia de oratório
Uma amizade sincera
Em Riacho Doce impera
Diz um certo relatório

Dois rapazes se criaram
Na santa paz do lugar
Por onde passava o trem
E um rio a desaguar
Pros lados de Cabedelo
Com tanto carinho e zelo
Que fazia gosto olhar

Eram como dois irmãos
Queridos e sossegados
De manhã iam pra escola
De tarde pastavam gados
Das suas duas famílias
De noite para as homílias
Tranquilos, abnegados

Eram tempos sobranceiros
De perene poesia
O cordel lido nos lares
Dava uma certa harmonia
Informava, educava,
Com ele se viajava
Com ele se instruía

Leandro Gomes de Barros
Trazia tantos conselhos
Nos seus folhetos de feira
Onde esses dois fedelhos
Compravam-nos baratinhos
Em meio aos burburinhos
De bodes, vacas e coelhos

Depois iam ao cinema
Assistir aos filmes mudos
Inda não falando nada
Valiam mais que os estudos
Que a professora insana
Numa palmatória plana
Ensinava aos carrancudos

Os montes de abacaxis
Os torrões de açúcar bruto
Feira enorme de inhame
A igreja dobrando luto
O mercado, a carne verde,
A bandeira auriverde
Da barraca de charuto

[…]

Anúncios