Chico 66No mês de abril, a cidade de Itabaiana fará um sarau em homenagem ao jornalista Chico Veneno, personalidade da cultura da Paraíba nos anos 60 e 70, fundador do jornal Evolução e um dos precursores do Cinema Novo no Estado. O evento, ainda sem data, lembrará os setenta anos de nascimento de Chico e é uma parceria das Secretarias de Cultura do Estado e do Município. “Sua memória será lembrada com poesia e uma conferência sobre a sua história”, adiantou Lau Siqueira, Secretário de Cultura da Paraíba.

A Academia de Cordel do Vale do Paraíba participará do sarau, com relançamento do cordel “Chico Veneno, o homem que intoxicou a burguesia”, de Fábio Mozart, e outras intervenções poéticas dos cordelistas.

O jornal de Chico, “Evolução”, foi reeditado pelos jornalistas Fábio Mozart e Socorro Almeida, cujo número inicial desta nova etapa da publicação foi lançado em 2016, com patrocínio do Fundo de Incentivo à Cultura Augusto dos Anjos, da Secult-PB. Provavelmente será lançado o segundo número do “Evolução” em abril, durante as comemorações dos setenta anos de nascimento de Chico Veneno. “Evolução” foi um marco na imprensa combativa da Paraíba nos anos de chumbo, entre 1964 e 1968.

 

Anúncios