Bernardina Freire, da Academia Feminina de Letras e Artes, recebe gravura de Josafá de Orós com o Prêmio Zé da Luz, da Academia de Cordel do Vale do Paraíba.

afoto1

Anúncios