tiago ita

O poeta apresentador Thiago Alves, tendo ao fundo a quadrilha junina “Chama do agreste” e o público do Sarau do Cordel do Fogo Apagado em Itatuba

Os poetas Fábio Mozart, Bob Motta e Antonio Marcos Monteiro lançaram seus mais recentes trabalhos na primeira edição do Sarau Cordel do Fogo Apagado, ocorrida neste sábado, 16, na cidade de Itatuba, região de Campina Grande. Mozart apresentou seu folheto “Chico Veneno, o homem que intoxicou a burguesia”, e Antonio Marcos declamou e expôs os cordéis “Branca Dias” e “Quem corta árvore florida comete uma malvadeza”. Bob Motta, “o trovador do sertão”, apresentou seu dicionário de matutês.

O sarau teve declamação dos poetas itatubenses Maurício Lima, Lita Ferreira, Elson Gomes e Pádua Gorrión, além de Sander Lee, Thiago Alves, Orlando Otávio, Vavá da Luz, Marconi Araújo e Stenio. A festa contou ainda com quadrilha junina e o trio pé-de-serra Carro de Boi.

O Presidente da Academia de Cordel do Vale do Paraíba, Sander Lee, comunicou que a próxima edição do sarau “Cordel do fogo apagado” será na cidade de Mari, no dia 27 de agosto, em parceria com a Rádio Comunitária Araçá FM.

Thiago Alves, Sander Lee, Fábio Mozart e Pádua Gorrión, promotores do eventotiago ita 2