atro

A Academia de Cordel do Vale do Paraíba encampou o projeto “Paraíba leitora”, da Secretaria de Cultura do Estado, que pretende instalar pontos de troca de livros usados em entidades e empresas privadas. A primeira estante será instalada na copiadora “Mundo Digital”, na Avenida Vasco da Gama, em João Pessoa. O proprietário da empresa doará o expositor, com livros fornecidos pela Academia e pela Secult, contando ainda com doações de livros e folhetos de cordel de particulares para reciclar e abastecer o expositor do projeto. “Já estamos selecionando os livros do nosso acervo para incorporar ao projeto, que deverá ser inaugurado ainda em julho”, disse Fábio Mozart, Secretário da Academia de Cordel.

Sander Lee, Presidente da entidade, informou que a Academia não possui espaço físico para estocar as doações, mas espera encontrar uma sala em algum órgão público onde funcionaria a sub-sede da Academia, em condições de operar a seleção do material doado e ainda realizar oficinas de cordel, além de montar um centro de produção desse tipo de literatura para servir aos associados.

As doações particulares podem ser feitas diretamente para a Academia de Cordel do Vale do Paraíba. Ligar para (83) 99628-4756. “Vale lembrar que a entidade não possui serviço de retirada de doações, mas faremos um esforço para pegar os livros doados diretamente no local”, afirmou Sander Lee, lembrando que não serão recebidos dicionários, enciclopédias, obras didáticas e técnicas, fotocópias, revistas, livros em espiral ou em más condições.

Anúncios